01 - "Em Frontispício", Bruno Tolentino

Poemas Brasileiros

Grandes Poemas Brasileiros
Aula 01 - 19.02.2013

Grupo de Literatura Landmark
 
Introdução - A natureza da poesia e da linguagem poética - Objetivos desta série de leituras de poemas - Leituras e comentários acerca do poema de abertura de "A Imitação do Amanhecer", de Bruno Tolentino:

EM FRONTISPÍCIO

"Eu vos compensarei pelos anos que o gafanhoto comeu…"
(Joel, 2: 25)

O Senhor prometera nos compensar os anos
que a legião dos gafanhotos devorara,
meu coração, mas a promessa era tão rara
que achei mais natural vê-Lo mudar de planos

que afinal ocupar-Se de assuntos tão mundanos.
Assombra-me, portanto, ver uma luz tão clara
fecundar-me as cantigas, coração meu — repara
como crescem espigas entre escombros humanos…

Naturalmente, quem sou eu para que Deus
cumprisse em minha vida promessa tão perfeita,
e no entanto hei-Lo arando, limpando os olhos meus,

fazendo-os ver que, no trigal em que se deita
a luz dourada e musical, se algo perdeu-se
foi como o grão — entre a seara e a colheita.

Material deste curso: Acesse

 

You need Flash Player 9 or later installed to play this streamingvideo
You need Flash Player 9 or later installed to play this streamingvideo

DOWNLOAD

Vídeo

Áudio